INFLUÊNCIA DO MÉTODO DE CURA PARA O CONCRETO PRÉ-MOLDADO

Erlucivânia Bueno Silva, Laryssa Nogueira Borges, Alan Gonzaga De Castro, Guilherme Alves De Oliveira, Jackeliny Stephanie Alves Tome, Thyago Cirqueira Da Silva

Resumo


As estruturas de concreto pré-moldado são constituídas por elementos estruturais (pilares, vigas, lajes e outros) moldados fora de seu local de utilização definitivo. Em todo o processo de fabricação do elemento pré-moldado faz-se necessário um bom controle de qualidade, e uma boa escolha de métodos e materiais, começando pela dosagem do concreto até a escolha da cura ideal. Usualmente na construção civil, as peças pré-moldadas são liberadas para desforma no primeiro dia após a concretagem. Para que as peças possam ser transportadas é necessário que se tenha a resistências mínima especificada em projeto.  Este trabalho visa analisar a influência do tipo de cura na resistência à compressão de um concreto pré-moldado. Foram moldados 40 corpos de prova separando-os em lotes e expondo-os a cinco diferentes métodos de curas: ambiente, ambiente com molhagem, abafamento, abafamento com molhagem e imersão. Considerando a facilidade de execução do processo de cura e a evolução das resistências à compressão, as curas ambientes com abafamento e abafamento com molhagem proporcionaram os melhores resultados.

Palavras-Chave: Pré-moldado, cura, resistência à compressão.


Palavras-chave


Pré-moldado, cura, resistência à compressão.

Texto completo:

Vol15-1-art-1

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 RENEFARA

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

RENEFARA - Revista Eletrônica de Educação da UniAraguaia Centro Universitário - ISSN: 2236-8779

 

 

 



SalvarSalvarSalvarSalvar