: NOVAS DIRETRIZES PARA AUTORES

Novas Diretrizes para Autores

Exige-se a titulação mínima de MESTRE para um dos autores do trabalho submetido a avaliação. Para a submissão também serão aceitos manuscritos elaborados em coautoria com pesquisadores doutores vinculados a instituições de ensino e pesquisa nacionais e internacionais.

Segundo a NBR 6022/2003a da ABNT, existem três tipos de artigos. Assim, de acordo com a característica da análise elaborada pelo pesquisador, o artigo pode ter a seguinte distinção:

Artigo Teórico: Apresenta uma argumentação favorável ou desfavorável a uma determinado visão de realidade.

Artigo Analítico: O pesquisador elabora uma análise de cada componente pertencente ao assunto procurando fazer uma relação com o todo.

Artigo Classificatório: Busca estabelecer uma classificação das características de um certo tema explicitando as suas partes.

Editorial: responsabilidade do(s) editor(es). Este texto deve ter, no máximo, 3.500 caracteres.

Resenhas: análise crítica de livro relacionado ao campo temático da revista, publicado nos últimos dois anos, com, no máximo, 10.000 caracteres. Os autores devem anexar, como documento suplementar, uma reprodução de alta definição da capa do livro resenhado.

Notas Técnicas, Pedagógicas ou Científicas: Comunicações sobre experiências de ensino em Administração, Administração Pública, Arquitetura e Urbanismo, Ciências Biológicas, e Contábeis, Construção de Edifícios, Educação Física, Engenharia Ambiental, Agronômica, Civil, Jornalismo, Pedagogia, Publicidade e Propaganda e Tecnologia em Gestão Comercial.

Idioma

A RENEFARA aceita aceita submissões preferencialmente em Inglês, podendo receber também em Espanhol e Português. Recomenda-se fortemente a submissão de artigos em inglês para que tenha uma disseminação maior e consequentemente maior impacto na área. Artigos em inglês podem seguir ou o estilo e grafia “americana” ou o “britânica”, entretanto os autores devem ser consistentes ao longo do texto.

Se o manuscrito redigido em português for aceito para publicação, caso deseje, o autor poderá traduzir a versão aprovada para a língua inglesa. A tradução deverá ser feita por especialista no idioma e com conhecimento dos termos técnicos da área, o que deve ser comprovado por meio de uma declaração ou certificação do tradutor atestando o serviço.

Caso o autor se interesse, a Revista pode indicar empresas especializadas no serviço. Destaca-se que a RENEFARA não tem parceria com essas empresas, ficando a decisão de contratar o serviço a critério do autor.

POLÍTICA CONTRA PLÁGIO E MÁS-CONDUTAS EM PESQUISA

 Com o objetivo de manter a qualidade das publicações e garantir a integridade dos conteúdos que são veiculados pela RENEFARA, sugerimos que os autores visitem o sítio do Comitê de Ética em Publicação, o COPE (Committee on Publication Ethics), disponível em: http://publicationethics.org, onde é possível obter mais informações sobre identificação de plágio, fraudes e possíveis violações de ética.

Antes de serem designados para a avaliação cega por pares, todos os manuscritos são submetidos a ferramentas capazes de detectar plágio. As ferramentas utilizadas são http://www.docxweb.com/ e http://copyspider.com.br/main/pt-br